Polícia

Preso acusado de 15 assassinatos no Virgem dos Pobres

12/10/2012 03h11
Guga é acusado de ser o terceiro criminoso mais perigoso da região do Virgem dos Pobres
Preso acusado de 15 assassinatos no Virgem dos Pobres

Uma operação da Força Nacional, em parceria com a Polícia Civil, realizada no Conjunto Santa Maria, no Tabuleiro do Martins, prendeu nesta quinta-feira (11) três homens acusados de formação de quadrilha, prática de homicídios e tráfico de drogas. Os acusados, identificados como Paulo César dos Santos, de 34 anos, João Paulo da Silva Santos, de 19 anos, e José Adriano da Silva, de 22 anos, conhecido como “Guga”, são responsáveis, segundo as investigações, pela maioria dos assassinatos ocorridos nos Conjuntos Virgem dos Pobres I, II e III nos últimos tempos.
De acordo com a polícia, os três já vinham sendo monitorados e a prisão se deu no momento em que um deles desceu de um táxi, entrou em uma residência e saiu do local com "tijolos" de maconha prensada. Com eles, além de cerca de um quilo da erva, foram apreendidos seis celulares e uma quantia em dinheiro não divulgada.
Paulo César conduzia o veículo no momento da prisão e negou envolvimento no crime. Ele disse ainda que o dinheiro apreendido é seu, e teria sido adquirido através do trabalho de taxista.
Segundo a polícia, Guga é acusado de ser o terceiro criminoso mais perigoso da região, com pelo menos quinze homicídios confirmados. Contudo, ele alegou que era apenas usuário de drogas e negou a autoria dos homicídios.
A operação foi comandada pelo delegado Rossílio Souza Correia, da Força Nacional.

Autor: Redação

Fonte: Tudonahora