Mundo

Virada na Paulista terá bolha de sabão

29/12/2011 05h24
Virada na Paulista terá bolha de sabão
Folha de S.Paulo
Em vez da tradicional "chuva" de papel laminado, a festa de Réveillon na avenida Paulista (região central de SP) terá uma alternativa um pouco mais sustentável este ano: bolhinhas de sabão. O show deve ocorrer durante os 15 minutos dos fogos de artifício. Trinta máquinas, localizadas no palco e espalhadas pelas torres ao longo da avenida, estão sendo instaladas nesta semana para produzir as bolhinhas. Cada uma das máquinas deve usar quatro litros de detergente. Cássio Esteves, gerente de produção da Playcorp, organizadora do evento, diz que a ideia foi trazer algo novo ao evento. Mas não só isso. "O problema da limpeza será bem menor. O papel laminado sujava a rua", afirma ele. Cerca de 300 pessoas devem fazer a limpeza da avenida após o evento. Além da bolhinhas, a festa também terá neste ano uma segunda queima de fogos, de 3 minutos e meio. Velas cenográficas, em comemoração ao aniversário de 120 anos da avenida, já podem ser vistas por quem passa no local. A imagem dos prédios da Paulista também será projetada no telão. A estimativa é que mais de 2 milhões de pessoas participem da festa.   Agora.com  

Autor: Redacao I