Mundo

Putin se isola após revelar que 'dezenas' ao seu redor testaram positivo para coronavírus

16/09/2021 07h24
Não está claro, porém, se essas pessoas contaminadas pertencem apenas à sua equipe no governo ou se ele também se referiu a familiares.
Putin se isola após revelar que 'dezenas' ao seu redor testaram positivo para coronavírus

O presidente Da Rússia, Vladimir Putin, revelou nesta quinta-feira (16) que dezenas de pessoas ao seu redor testaram positivo para coronavírus, e que ele está isolado desde o início da semana.

“No meu ambiente (...) não há uma, não duas, mas várias dezenas de pessoas que adoeceram com o coronavírus”, afirmou, durante reunião por videoconferência da Organização do Tratado de Segurança Coletiva (CSTO), uma aliança militar regional.

A informação foi confirmada pelas agências internacionais de notícias Tass, Reuters e France Presse.

Não está claro, porém, se essas pessoas contaminadas pertencem apenas à sua equipe no governo ou se ele também se referiu a familiares.

Na terça (14), Putin havia antecipado que teve que se isolar e cancelar participação em várias cúpulas após ter entrado em contato com um funcionário doente com Covid-19. Ele afirmou que contava com a vacina russa Sputnik V para não pegar a doença.

Putin havia retornado recentemente a participar de eventos públicos. Até poucas semanas atrás, seus compromissos eram realizados por vídeo, e as poucas pessoas que puderam conhecê-lo tiveram que passar por um período de isolamento.

 

A Rússia está entre os países mais afetados pela pandemia de coronavírus em mortes e na quinta posição em número de infectados, de acordo com o balanço da AFP.

Segundo a agência de estatísticas Rosstat, 350.000 russos morreram de Covid-19 até o final de julho de 2021.

Segundo o site Gogov, que coleta dados oficiais das regiões, apenas 27,5% dos russos estão totalmente vacinados.

Autor:

Fonte: g1.globo.com