Mundo

Cidade de SP deve começar a vacinar crianças contra Covid-19 no dia 17 de janeiro

13/01/2022 16h23
Prefeito de SP, Ricardo Nunes, disse que imunização começa com 168 mil crianças de 11 anos de idade. Primeiro lote de doses pediátricas da Pfizer chegou ao Brasil na madrugada desta quinta-feira (13). No estado, data oficial do início ainda não foi divulgada.
Cidade de SP deve começar a vacinar crianças contra Covid-19 no dia 17 de janeiro

A cidade de São Paulo deve começar a imunizar crianças contra Covid-19 a partir da próxima segunda-feira (17).

No estado, a data oficial ainda não foi divulgada pela gestão de João Doria (PSDB).

A vacinação, segundo o prefeito Ricardo Nunes (MDB), será iniciada pelo grupo de 11 anos, estimado em 168 mil crianças.

 

"Se nós recebermos as vacinas, nós estaremos distribuindo no sábado e aí teremos início da vacinação das crianças na segunda-feira. Iniciaremos [vacinação] com as crianças de 11 anos", afirmou o prefeito Ricardo Nunes (MDB).

 

Apesar da previsão, o município ainda não foi informado sobre o quantitativo de doses que irá receber. Ricardo Nunes acredita, porém, que será o suficiente para vacinar esse primeiro grupo.

 

Escalonamento por idade

 

Segundo o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, a imunização na capital será escalada por idade, em ordem decrescente, exatamente como foi feito com os adultos.

A gestão municipal aguarda o cronograma de envio dos lotes para definir o calendário vacinal.

A capital decidiu não seguir a proposta do estado, divulgada nesta quarta, que prevê vacinar incialmente crianças com comorbidades, além de indígenas e quilombolas.

A gestão estadual também recomendou que a aplicação seja feita nas escolas. O secretário já havia criticado e descartado essa possibilidade.

 

A imunização das crianças deve ser feita em salas separadas nos postos de saúde da cidade.

Chegada do primeiro lote

 

O primeiro lote da vacina da Pfizer contra Covid-19 para crianças chegou ao Brasil na madrugada desta quinta(13).

A remessa com 1,248 milhão de doses desembarcou no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, e foi encaminhada para o Centro de Distribuição do Ministério da Saúde, em Guarulhos, na Grande SP.

A imunização desse grupo foi autorizada pela Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) em dezembro de 2021.

 

Cadastramento no estado

 

Nesta quarta-feira (12), o governo de São Paulo anunciou abertura do pré-cadastro para início da imunização de crianças de 5 a 11 anos contra a doença.

 

Os pais podem acessar o site do governo paulista para inserir os dados da criança e agilizar o atendimento nos postos de saúde do estado.

Autor: Tatiana Santiago, g1 SP

Fonte: g1.globo.com