Mundo

Carro de luxo é apreendido em operação da Receita Federal

27/12/2011 09h15
Carro de luxo é apreendido em operação da Receita Federal
Um Nissan 370Z Touring, avaliado em R$ 170 mil, foi apreendido neste final de semana pelo Grupo de Operações Especiais de Piracicaba (GOEP) da Receita Federal em Santa Bárbara d'Oeste (SP). O carro de luxo era um dos alvos da Operação Black Ops, iniciada em outubro com o objetivo de desmontar uma organização criminosa transnacional formada por membros da máfia israelense. No Brasil, os integrantes da quadrilha atuam em crimes tributários, em contrabando e em lavagem de dinheiro. O Nissan 370Z Touring estava ilegal no País. Ele foi registrado como novo no momento da importação. Entretanto, o carro é do ano de 2009, e, pela legislação brasileira, a importação de veículos usados é proibida. A Receita Federal está concluindo as investigações. O automóvel será leiloado. O nome do proprietário não foi revelado. No início deste mês, um Ford Mustang GT Premium avaliado em mais de R$ 200 mil também foi detido pela operação Black Ops. O carro havia sido dado como zero quilômetro no momento da importação dos Estados Unidos para o Brasil, mas se tratava de um veículo semi-novo. A operação cumpre mandados de prisão e de busca e apreensão em 14 Estados e no Distrito Federal. O setor de inteligência da Polícia Federal conta com apoio externo de agências de inteligência da Inglaterra, dos Estados Unidos e de Israel.
Terra.com

Autor: Fábio Santana