Geral

Verba federal pode ter abastecido sites bolsonaristas, aponta investigação da PF

10/06/2021 10h14
Ministro Alexandre de Moraes retirou o sigilo de novos documentos do inquérito da PF que apura os responsáveis por atos antidemocráticos.
Verba federal pode ter abastecido sites bolsonaristas, aponta investigação da PF

Nesta qaurta-feira (09), o ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes retirou o sigilo de novos documentos do inquérito sobre atos antidemocráticos. A investigação indica que verbas do governo federal podem ter abastecido sites bolsonaristas responsáveis por desinformação, propagação de discurso de ódio e mensagens contra a estabilidade democrática.

A Polícia Federal afirma que é preciso aprofundar as investigações sobre o direcionamento de recursos da Secretaria de Comunicação Social do governo federal para financiar essas páginas.

Os investigadores querem apurar se o governo criou filtros ou bloqueios que evitassem que a propaganda do governo fosse veiculada e monetizasse canais que difundem ideias contrárias ao estado democrático de direito, permitindo com tal prática que ocorresse o repasse de recursos públicos.

A Polícia Federal queria saber se o repasse se deu por culpa ou por dolo, com a ação ou omissão deliberada de permitir a divulgação da publicidade do governo e a consequente monetização ao conteúdo propagado.

Autor:

Fonte: Correio do Povo-AL