Geral

Limpeza interna

08/09/2012 04h07
Transparência
Limpeza interna

 O site http://www.portaldatransparencia.gov.br/, da CGU (Controladoria-Geral da União), passou a divulgar na última quinta-feira (6) os nomes dos servidores expulsos do Executivo federal desde 2005.

A divulgação, segundo o ministro-chefe da CGU, Jorge Hage, complementa o cumprimento à Lei de Acesso à Informação.

O cadastro reúne as penalidades demissão, cassação de aposentadoria e destituição de cargo em comissão ou função comissionada de servidotres efetivos ou não.

A lista atual contém 3.027 expulsões aplicadas a 2.552 servidores até o último dia 30 de agosto. Há mais expulsões do que servidores porque cada funcionário pode ter sido punido mais de uma vez.

A atualização do cadastro será mensal, de acordo com o site da CGU.

Além do tipo de punição aplicada, é possível obter informações como data da expulsão, órgão de lotação, unidade da federação e fundamentos legais da expulsão. Também é possível fazer download dos dados.

As informações podem ser consultadas no http://www.portaldatransparencia.gov.br/, clicando na aba "Servidores".

Autor: Redação

Fonte: Uol/Folha de SP