Geral

Garanhuns, PE, registra pior índice de infestação de dengue no ano

28/08/2012 04h42
De acordo com o município, 15% dos imóveis não recebem os agentes. Cidade espera a chegada de um novo larvicida.
Garanhuns, PE, registra pior índice de infestação de dengue no ano

O número de casos de dengue em Garanhuns, no Agreste pernambucano, está preocupando a Secretaria de Saúde do município. Só em 2012, foram 603 casos notificados na cidade, sendo 408 confirmados. Um dos motivos apontados pela grande quantidade de casos é a resistência da população em não aceitar a visita de profissionais de saúde nas casas e nos comércios.

De acordo com a Secretaria de Saúde de Garanhuns, 15% dos imóveis ficam sem o trabalho dos agentes de endemias, para combater à dengue. No último levantamento bimestral feito na cidade, o município registrou o pior índice de infestação no ano: 12,1% – a recomendável pelo Ministério da Saúde é de 1%.

Em bairros como Indiano, de cada 10 casas visitas pelos agentes, três apresentam foco do mosquito transmissor. “Alguns bairros, como Indiano, Boa Vista, São José e Magano, nos preocupa mais ainda porque eles apresentam índices de infestação entre 25 e 35%. Quer dizer que o risco é bem maior para as pessoas adoecerem, até chegarem à dengue hemorrágica”, contou José Roberto, coordenador municipal de combate à dengue de Garanhuns.

Para evitar que a dengue se espalhe ainda mais, o município espera a chegada de um novo larvicida. “É importante que o dono de casa dê sua contribuição, procure armazenar água de forma correta e procure manter quintais limpos e dar o destino adequado a objetos sem utilidade”, orientou José Roberto. A previsão é de que, a partir desta semana, os agentes de Garanhuns passem a ir às ruas com o novo produto.

Autor: Redação

Fonte: G1