Figuras Públicas

Derivan Thomaz pede contas da administração MB e também da própria CVP

10/06/2016 12h11
Derivan disse que não pode usar de dois pesos e duas medidas e por isso cobra as contas da CVP
Derivan Thomaz pede contas da administração MB e também da própria CVP

O vereador Derivan Thomaz do Solidariedade pediu da tribuna da câmara de vereadores na sessão de ontem, quinta-feira(09), as contas do Poder Legislativo para que se cumpra o mandato com imparcialidade. Cobraram-se as contas do executivo, por isso devemos também cobrar as contas da própria Casa de Leis. Isso é normal, disse o vereador em tela.

Depois de entrar pelas cobranças Derivan deferiu duras críticas ao gestor municipal como sendo o mesmo o inspirador da música não fez nada, não fez nada, não fez nada, quando se analisa a atual administração.

E disse: “se conseguimos um trator para o Povoado Tabuleiro dos Negros fui eu”! “Se conseguimos outro trator para o Povoado da Cooperativa fui eu”! “Se conseguimos um trator para o Povoado Murici fui eu”! “Se conseguimos um trator para o Povoado Riacho do Pedro foi Valdinho”! “Por isso digo e repito Eu trabalhei nos povoados que o prefeito Március em suas duas administrações”.

“As estradas vai dar manutenção agora por causa das festas, as ambulâncias para os povoados não atendem a nenhum dos povoados, as informações cobradas por nós não são atendidas, e disparou: cadê as informações da farra das diárias”?! “Os valores relativos aos Royalties não têm comprovação do seu uso até hoje”! “Prefeito responda a gente”!

Derivan encerrou as suas palavras se dizendo desencantado com o que ocorre em Brasília e temendo que as coisas se espalhem e cheguem a Penedo.

 

Autor: Por Raul Rodrigues

Fonte: Correio do Povo de Alagoas