Esportes

Sob novo protocolo, jogo do Cruzeiro tem aglomeração, torcedores sem máscara e horário de entrada desrespeitado

26/09/2021 17h30
Quase 7 mil ingressos foram colocados à venda para a partida entre Cruzeiro e CSA, no Independência; antes da bola rolar, houve registro de descumprimento de regras
Sob novo protocolo, jogo do Cruzeiro tem aglomeração, torcedores sem máscara e horário de entrada desrespeitado

Depois de pouco mais de um mês, torcedores voltaram às arquibancadas em um jogo de futebol na capital mineira. Quase 7 mil ingressos foram colocados à venda para o duelo entre Cruzeiro e CSA, pela Série B do Brasileirão. Porém, o novo protocolo definido pela prefeitura de Belo Horizonte não foi totalmente respeitado.

Houve fila, aglomeração, torcedores sem máscaras e horário de entrada desrespeitado.

Em reunião feita entre os clubes e a PBH, no começo do mês, foram criadas medidas mais rígidas para tentar combater a disseminação da covid-19. Uma delas é de que a entrada dos torcedores ao interior do estádio só seria permitida em até uma hora antes da bola rolar. O que não aconteceu neste domingo. Às 15h15 (de Brasília), foram registradas longas filas na parte de fora do Independência. A partida começou às 16h.

A assessoria do Cruzeiro disse desconhecer a situação. Vários torcedores também foram flagrados sem máscara na parte interna e externa do estádio. Mesmo com a comercialização de bebidas alcoólicas autorizada dentro do Independência, muitas pessoas preferiram se aglomerar nas ruas do Horto.

Nas partidas em que o Cruzeiro mandou na Arena do Jacaré também houve presença da torcida e desrespeito aos protocolos.

Na próxima terça-feira, será a vez dos atleticanos voltarem ao Mineirão. Às 21h30, o Galo recebe o Palmeiras, pela semifinal da Libertadores. São esperadas cerca de 17 mil pessoas (30% da capacidade do estádio).

Autor: Leonardo Parrela e Pedro Spinelli

Fonte: globoesporte.globo.com