Esportes

Inter leva virada, mas busca empate com o Corinthians nos acréscimos e segue no G-6

24/10/2021 18h32
Rodrigo Lindoso e Gustavo Maia, este aos 47 minutos do segundo tempo, fazem os gols do Inter. Giuliano e Fábio Santos marcam para o Timão
Inter leva virada, mas busca empate com o Corinthians nos acréscimos e segue no G-6

Minutos finais recheados de emoção e um jogo cheio de idas e vindas. O Inter saiu na frente logo no início da partida, sofreu a virada para o Corinthians no segundo tempo, mas buscou, aos 47 minutos do segundo tempo, o empate em 2 a 2 na tarde deste domingo, no Beira-Rio. Rodrigo Lindoso e Gustavo Maia fizeram os gols colorados, enquanto Giuliano e Fábio Santos anotaram para o Timão. No fim, Patrick e Xavier foram expulsos após uma confusão no gramado.

Na tabela

Com o empate, o Inter permanece dentro do G-6, com 41 pontos, e aguarda o resultado do Bragantino, que joga com o São Paulo na noite deste domingo. O Corinthians segue também com 41 pontos, mas fica na 7ª colocação.

Próximos jogos

Edenilson em Inter x Corinthians (Foto: Maxi Franzoi/AGIF)

O Inter encara o São Paulo, no próximo domingo, às 18h15, no Morumbi, enquanto o Corinthians volta a jogar na outra segunda-feira, dia 1º de novembro, às 21h30, contra a Chapecoense na Arena.

Golaço no apagar das luzes

Não era nem para Gustavo Maia estar relacionado para esta partida, já que havia sido liberado para participar de uma audiência. Mas o jovem atacante retornou e conseguiu estar à disposição para o jogo. Entrou porque Moisés sentiu dores musculares e acabou por ser determinante para os colorados. O gol de empate deixa o time dentro do G-6. Um golaço, por sinal, o primeiro como profissional do jogador.

Dedo de Sylvinho em melhora do Timão

O técnico corintiano, muito pressionado nos últimos dias, fez duas mudanças aos 10 minutos do segundo tempo. E as entradas de Gustavo Mosquito e Du Queiroz foram determinantes para a melhora da equipe. Logo no primeiro lance após as substituições, Giuliano empatou para o Timão após passe de Gabriel Pereira já pelo meio. Seis minutos depois, Fábio Santos convertia pênalti sofrido por Róger Guedes aberto pela esquerda. No fim, o empate foi um balde de água fria. Mas a equipe mostrou uma evolução na etapa final.

Confusão, empurrões e expulsões

Logo depois do gol colorado, uma confusão iniciou por uma entrada de Du Queiroz. Taison discutiu com o jogador, e depois se envolveram mais atletas. Patrick e Xavier trocaram empurrões e chegaram a se prometer para os vestiários, ambos apontando para o túnel do Beira-Rio. Acabaram expulsos pela arbitragem e precisaram ser contidos inclusive na saída de campo.

Primeiro tempo

Logo nos minutos iniciais o Inter deu seu cartão de visitas ao melhor estilo Diego Aguirre. Um contra-ataque em velocidade, mas com os volantes dentro da área do adversário. Lindoso aproveitou a jogada na primeira chegada colorada. Depois, a partida se desenvolveu truncada e sem grandes chances para os dois lados. Nos últimos minutos, Edenílson e Róger Guedes levaram perigo em finalizações para fora. Mas o Inter pouco pressionou para tentar ampliar o placar.

Segundo tempo

A equipe de Aguirre voltou em cenário semelhante ao primeiro tempo. Administrou a vantagem e tentou contra-atacar. Yuri Alberto chegou a acertar a trave aos 4 minutos. Depois disso, Sylvinho resolveu mexer na sua equipe e o Corinthians passou a dominar as ações. Conseguiu a virada logo depois das trocas, com gols de Giuliano e Fábio Santos, este de pênalti. E manteve-se sólido na partida até os minutos finais. Foi quando Gustavo Maia tirou um coelho da cartola para dar o empate aos gaúchos. Houve ainda tempo para as expulsões de Patrick e Xavier por conta de empurra-empurra no fim.

 

 

Autor: Redação

Fonte: GloboEsporte.com