Esportes

Ceni revela negociações que não deram certo, pede reforços e deve dar chance a Caio no São Paulo

26/01/2022 16h52
Treinador volta a falar sobre a necessidade de receber mais jogadores no Tricolor
Ceni revela negociações que não deram certo, pede reforços e deve dar chance a Caio no São Paulo

O técnico Rogério Ceni ainda aguarda a chegada de mais reforços para o São Paulo. Em entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira, no CT da Barra Funda, na primeira conversa com a imprensa nesta temporada, o comandante são-paulino citou algumas negociações frustradas e confirmou que deve se reforçar com jogadores das categorias de base, como o garoto Caio.

– Nomes que chegaram são todos bons jogadores. Nikão, Alisson, Jandrei, Patrick e Rafinha são todos jogadores experimentados, que demonstraram capacidade onde jogaram. A gente se sente melhor, com mais opções do que no ano passado, mas precisamos de reforços – afirmou o treinador.

 

– O clube atravessa ainda uma crise financeira, mas foram boas contratações. Mas, para brigar mais alto, precisamos de mais. A diretoria está buscando reforços para termos mais peças durante o ano – acrescentou Rogério Ceni.

O treinador ainda citou dois nomes procurados pelo São Paulo que não vieram: o atacante Luiz Henrique, do Olympique de Marselha, e David, que deixou o Fortaleza para reforçar o Internacional.

Enquanto não recebe um ponta de habilidade e velocidade, principal desejo da comissão técnica, Ceni vai promover jogadores das categorias de base. Caio, aos 17 anos, destaque na campanha de semifinalista da Copinha, deve seguir no time de cima.

– Caio é uma opção, deve ficar, apesar dos 17 anos. Um jogador de velocidade pela esquerda, não conseguimos contratar. Tivemos o Douglas Costa, o Soteldo... Eram negociações difíceis. E outras, o Luis Henrique, hoje com o Sampaoli, e o David (do Fortaleza). A gente tenta se adaptar – discursou Ceni.

– Vamos tentar encontrar um jogador que substitua esse que não pudemos trazer no momento para o São Paulo – finalizou o treinador.

São Paulo estreia nesta quinta-feira no Paulistão diante do Guarani, a partir das 21h45 (de Brasília), em Campinas.

Autor: José Edgar de Matos e Leonardo Lourenço

Fonte: g1.globo.com