Blogs

Mais uma vez acertamos ao reclamar das bombas que são soltas no quarteirão

04/12/2021 19h49
Pároco da Catedral já dispensou as bombas das seis horas da manhã.
Mais uma vez acertamos ao reclamar das bombas que são soltas no quarteirão

Já fizemos reclamações por diversas vezes que as bombas que soltam nas imediações da Catedral e do Convento, sendo de iniciativa dessas igrejas – segundo as autoridades religiosas – para chamar aos fiéis quebrando uma tradição de décadas do que era feito pelos sinos, podem trazer sérias complicações para as pessoas idosas e para os cachorros que residem juntos aos seus donos.

Para as pessoas idosas os riscos de um AVC pelo susto provocado pelo som das bombas quando retira a pessoa do estado de repouso – sono – por volta das 06 horas da manhã. Qualquer médico pode comprovar tais riscos pelo acelerar da corrente sanguínea ao despertar da pessoa.

Para os animais, principalmente os cachorros os riscos de morte são ainda maiores por terem um aparelho auditivo muito mais apurado que os seres humanos, levando-os à parada cardíaca e posterior morte. E na igreja Conventual tem-se o dia de Santo Antônio, protetor dos animais. Que ironia.

 

Para comprovação das nossas sempre bem fundamentadas observações do universo, disponibilizamos a matéria que registra seis mortes de cachorros durante os atos da torcida do Atlético Mineiro – Galo – pela conquista do Bicampeonato Brasileiro esta semana. E para quem não entende os nossos apelos pela ordem e paz segue o artigo.

Seis cachorros morrem por conta dos fogos da torcida do Galo pelo Bicampeonato.

Autor: Raul Rodrigues

Fonte: correiodopovo-al.com.br