Alagoas

Infrações flagradas por câmeras de trânsito na Feirinha do Tabuleiro, em Maceió, são punidas com multa a partir de terça-feira

18/10/2021 17h21
Equipamentos vinham sendo utilizados de forma educativa até essa segunda-feira. Reforço no monitoramento foi solicitado por comerciantes da região.
Infrações flagradas por câmeras de trânsito na Feirinha do Tabuleiro, em Maceió, são punidas com multa a partir de terça-feira

As câmeras de videomonitoramento instaladas na Feirinha do Tabuleiro, em Maceió, começam a emitir multas a partir de terça-feira (19) para os motoristas que descumprirem as leis de trânsito. O monitoramento foi implantado na região a pedido dos comerciantes.

Os equipamentos foram instalados na semana passada, mas ainda estavam funcionando em fase educativa. A partir de agora, no entanto, as infrações passam a ser registradas com aplicação de multa e pontos na carteira de motorista.

As câmeras foram instaladas em dois pontos da Avenida Maceió, na área central da Feirinha, e próximo à Escola Municipal Pedro Suruagy.

Segundo a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), os dispositivos vão fiscalizar a punir as seguintes infrações:

 

  • veículos na contramão
  • estacionamento em fila dupla ou em locais proibidos
  • conversões proibidas
  • não uso do capacete por motociclistas

Os equipamentos não fiscalizam excesso de velocidade, embora a área tenha limite definido por sinalização e precisa ser respeitado. Os pardais instalados para esse tipo de finalidade estão fora de operação desde 2017.

Placas de sinalização também foram colocadas em avenidas da Feirinha para ajudar os motoristas — Foto: SMTT

"Nosso principal objetivo é garantir a segurança viária das pessoas que trabalham e frequentam o local. As intervenções foram realizadas após ouvir as pessoas que conhecem a Feirinha do Tabuleiro, com base na escuta das demandas dos cidadãos”, disse o superintendente da SMTT, André Costa.

Placas informativas sobre a presença das câmeras foram instaladas nos trechos de videomonitoramento, assim como placas que regulamentam cargas e descargas de mercadorias e estacionamentos em horários e trechos específicos.

 

Autor:

Fonte: g1.globo.com