Alagoas

Bares e restaurantes de Maceió começam a exigir comprovante de vacina contra a Covid-19

14/01/2022 17h33
Recomendação conjunta da Abrasel, da Prefeitura e do Governo do Estado, começou a valer na quinta-feira (13).
Bares e restaurantes de Maceió começam a exigir comprovante de vacina contra a Covid-19

Bares e restaurantes de Maceió passam a exigir comprovante de vacinação contra Covid-19 para entrada de clientes. A medida, que começou a valer nesta quinta-feira (13), é uma recomendação conjunta da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes em Alagoas (Abrasel-AL), da Prefeitura e do Governo do Estado.

A recomendação tem como principal foco estabelecimentos com música ao vivo, mas qualquer outro também pode adotar a medida. Não foi informado, porém, se a exigência vai ser da comprovação de duas doses ou se apenas de uma. Por enquanto, não há uma regra que prevê punição aos empresários que não exigirem o comprovante.

 

Na semana passada, o Município decidiu fiscalizar exigência do uso da máscara, limitar público em shows e eventos, entre outras ações contra a doença. Essas regras, porém, têm caráter educativo, foram definidas por meio de um acordo entre as partes, sem decreto ou lei municipal exigindo o cumprimento delas, embora a prefeitura afirme que vai fiscalizá-las.

“O meu segmento se colocou como necessário para esses bares e casas de show que cobram entrada, tendo em vista que existem pessoas em pé, e passou-se a limitar o número de acentos. Então, foi direcionado para esse foco, por ser o mais crítico”, explica Thiago Falcão, presidente da Abrasel-AL.

 

Entre as medidas estabelecidas para o setor estão:

 

  • exigir a carteira de vacinação contra Covid para que o cliente possa entrar no estabelecimento
  • respeitar o limite de capacidade do local
  • proibir pessoas em pé ou dançando no salão, sobretudo nos locais de música ao vivo
  • formular texto para que os cantores leiam orientações aos clientes dos protocolos sanitários durante os shows em bares, restaurantes e afins
  • orientar funcionários sobre protocolos e exigência do uso de máscara
  • expor em locais visíveis o selo “estamos todos vacinados”

 

 

As recomendações foram tomadas após o aumento no número de casos conhecidos de Covid-19 registrados em Alagoas. A Abrasel informou que fiscalizações vão ser intensificadas nos estabelecimentos.

Bares e restaurantes de Maceió começam a exigir comprovante de vacina contra a Covid — Foto: Pedro Ferro/TV Gazeta

Até o último boletim epidemiológico, divulgado nesta quinta, o estado contabiliza a contaminação de 244.561 pessoas desde o início da pandemia. O total de mortes se mantém em 6.389. A taxa de ocupação dos leitos de UTI em Alagoas é de 52%. Em Maceió, o percentual é de 76%.

Lopana também comunicou pelas redes sociais sobre exigência do comprovante de vacinação contra Covid — Foto: Reprodução/Instagram

Autor: Bruno Melo*, g1 AL

Fonte: g1.globo.com