PREJUÍZO MUNICIPAL

IPTU devido por clubes é igual a rombo de máfia dos fiscais

Vinte e nove clubes. W se fossem mais....

12/07/2018 por Redação

Vinte e nove clubes esportivos da cidade de São Paulo acumulam dívidas de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) próximas do rombo deixado pela máfia do ISS (Imposto sobre Serviços) nos cofres públicos, segundo cadastro da prefeitura.

O sistema municipal considera haver um débito que ultrapassa R$ 620 milhões, valor suficiente para construir três hospitais ou cem creches.

O prejuízo estimado do maior esquema de corrupção descoberto na capital, praticado por fiscais que cobravam propina de empreiteiras em troca de descontos no ISS, é da ordem de R$ 690 milhões (valores corrigidos).

Parte das dívidas listadas pela prefeitura se arrasta há anos (há casos desde a década de 1990), e a maioria dos clubes contesta a cobrança sob a justificativa de que a isenção do IPTU para esses espaços é amparada por lei.

Pelas regras municipais, os clubes têm de pedir anualmente a isenção de IPTU.

Segundo a prefeitura, elas podem ser indeferidas ou mesmo revistas posteriormente.

Resposta

Os clubes esportivos sustentam ser isentos e questionam as dívidas de IPTU que constam no cadastro.

O Jockey Club diz que a cobrança está sendo negociada com a prefeitura, mas não chega ao montante de R$ 247,8 milhões.

O Golf Club afirmou que não comentou.

O Esporte Clube Pinheiros afirma não possuir "dívida exigível".

"Os lançamentos fiscais relativos ao IPTU vêm sendo cancelados após deferimento de pedido de isenção", diz.

Além de citar a isenção, a Hebraica afirmou não possuir débito.

O Club Athletico Paulistano afirmou não possuir dívida por ser isento. O Palmeiras não respondeu.

O Corinthians afirmou entender ser isento. O São Paulo diz que a dívida "supostamente existente diz respeito a divergência de entendimento por parte da municipalidade".

O Juventus afirmou que a dívida do cadastro não é real. A Associação da Caixa Econômica afirmou ser isenta.


Fonte: agora.uol.com.br - FSP

Tags: iptu devido por clubes é igual a rombo de máfia dos fiscais