Ex-presidente resentido

Collor: “Um magote de cabra sem vergonha me tirou da Presidência”

Impeachment de Collor foi uma farsa. Mas ele não disse em Brasília.

10/07/2018 por Vanessa Alencar

Entrevistado pelo Rádio Jacobina FM, da Bahia, o senador Fernando Collor (PTC), pré-candidato a presidente, resumiu o processo que culminou na cassação do seu mandato, em 1992: “Um magote de cabra sem vergonha me tirou da Presidência da República”, afirmou.

A repercussão da entrevista, concedida nesta terça-feira (10), por telefone, a Geyder Gomes e Fábio Márcio, foi publicada no site Jacobina 24 horas.

Conforme a matéria, além de criticar os parlamentares responsáveis pela cassação, Collor também voltou a afirmar que, embora a Carta Magna seja a mesma, houve “dois pesos e duas medidas” em relação ao seu afastamento e ao impeachment da de Dilma Rousseff (PT).

Ao contrário do que ocorreu com ele, a ex-presidente teve os direitos políticos preservados.

Durante a sabatina, o senador citou também algumas das conquistas enquanto presidiu o País, como a consolidação da situação econômica que pavimentou o caminho para a implantação do Plano Real.


Fonte: cadaminuto.com.br

Tags: collor: “um magote de cabra sem vergonha me tirou da presidência”