Meia continua no Sevilla

Grêmio nega qualquer negociação para contratar Ganso: "Nada mesmo"

Dirigentes dizem que não há qualquer contato com os espanhóis do Sevilla para repatriar o meia

24/04/2018 por Eduardo Moura, Porto Alegre

O Grêmio afirma que não tem interesse na contratação de Paulo Henrique Ganso, do Sevilla. Três integrantes do departamento de futebol negaram haver qualquer negociação para contar com o meia: o vice de futebol Duda Kroeff, o executivo André Zanotta e o técnico Renato Portaluppi. Além do Tricolor, Santos, Lazio e Fenerbahçe conversaram diretamente com os espanhóis.

Ganso é alvo de Grêmio, Santos, Lazio e Fenerbahçe (Foto: Divulgação) Ganso é alvo de Grêmio, Santos, Lazio e Fenerbahçe (Foto: Divulgação)
Ganso é alvo de Grêmio, Santos, Lazio e Fenerbahçe (Foto: Divulgação)
Conforme apurou o GloboEsporte.com, o Grêmio chegou a entrar em contato com o clube e afirmou que poderia viajar para a Espanha e negociar pessoalmente a contratação do jogador. No entanto, qualquer situação envolvendo o nome de Ganso é negada oficialmente pelo Tricolor.

"Não tem nada, nada. Não sei de onde saiu isso. Não tem nada (interesse, contato), nada mesmo" (Duda Kroeff, vice de futebol do Grêmio)
No início do treinamento desta terça-feira, o técnico Renato se aproximou do setor onde estavam os jornalistas e iniciou um papo descontraído. Durante as conversas, afirmou que o Grêmio não tem negociação com Ganso e que era uma situação provavelmente para valorizar o jogador.

O executivo André Zanotta já havia negado qualquer contato ou negociação com o Sevilla nesta segunda, após ser questionado pelo GloboEsporte.com. O Santos, por outro lado, admitiu o contato pelo atleta e a intenção de repatriá-lo.

Revelado pelo Santos, Ganso chegou ao Sevilla em julho de 2016, após passagem pelo São Paulo. Desde então, fez apenas 27 jogos, com sete gols marcados. Em 2018 ele ainda não entrou em campo, por conta dos problemas que teve com Vincenzo Montella.


Fonte: GloboEsporte.com

Tags: grêmio nega qualquer negociação para contratar ganso: "nada mesmo"