Centro de Triagem será no SESI/SENAI

Centro de Síndromes Gripais em Penedo pode ser inaugurado na próxima semana.

Escola SESI/SENAI será o espaço para funcionamento do Centro de Triagem do Coronavírus em Penedo.

21/05/2020 por Por Raul Rodrigues

Segundo palavras do secretário de saúde Penedo, Marcos Beltrão, Penedo poderá ter na próxima semana o seu Centro de Síndromes Gripáis de Penedo - Triagem do Coronavírus - completamente munido de equipamentos para aferir saúde do cidadão – eletrocardiograma para quem deva usar a Hidro Cloroquina – camas e demais equipamentos necessários ao pleno funcionamento, além de Kits com medicação a ser distribuído com as pessoas, depois de atendidas por toda uma equipe de técnicos em enfermagem, enfermeiras(os) e médicos, e, segundo a prescrição médica, e respeitando atodo o procedimento recomendado pelo COSEMS.

Tudo isso deverá estar funcionando, segundo o secretário, entre a metade e o final da semana próxima vindoura, caso se consiga principalmente a medicação necessária, coisa rara no Brasil para se adquirir.

Por exemplo: de toda a Hidro Cloroquina distribuída pelo governo federal para Alagoas, – 15000 – comprimidos, apenas metade será dividida com os 102 municípios. Número totalmente insuficiente se contabilizarmos a população estadual. Por isso a reclamção de parte da classe médica, mas que não se refere aos números dos medicamentos distribuídos pelo governo federal, que também não tem quantidade suficiente para atender a toda a população. 

A grande dificuldade para se manter o atendimento ao povo é onde comprar insumos e equipamentos, disse Marcos Beltrão, deixando claro que Penedo vem fazendo o que pode e enfrentado uma dura concorrência com o restante das cidades do país neste momento de cobrança das pessoas que não querem ver seus familiares sofrendo, e até morrendo por falta das condições mínimas do tratamento.

Ainda em contato com nossa redação, o secretário nos adiantou que as providências para a instalação do Hospital Municipal com dez UTIs estão no mesmo pé de dificuldade para se conseguir equipamentos. E disse: “é um lugar só para atender a todos os municípios e estados”! “É muito difícil”! “Mas vamos terminar tudo dentro do menor tempo possível”! Concluiu Marcos Beltrão.

Veja nota do COSEMS:

Nota Informativa Sobre Distribuição e Fluxo de Acesso aos medicamentos
Hidroxicloroquina e Cloroquina
20 de maio de 2020 | Página 1/2

A Secretaria de Estado da Saúde de Alagoas-SESAU/AL, através da Assessoria Técnica de
Assistência Farmacêutica-ASTAF, e do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de
Alagoas-COSEMS/AL, vem por meio desta esclarecer, orientar e informar os critérios de
distribuição e fluxo de acesso dos medicamentos Hidroxicloroquina (Sulfato) e Cloroquina
(Difosfato) para o tratamento de pacientes nos Serviços de Referência de Saúde públicos
e privados com infecção pelo novo Coronavírus (SARS-COV-2).
Essa nota deve ser divulgada amplamente entre profissionais dos serviços de saúde
públicos e privados.

1. CONSIDERANDO:

-O Decreto Estadual Nº 69.530 de 18 de março de 2020, que dispõe sobre as medidas para
enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do
COVID-19 (Coronavírus) e dá outras;
- A Resolução RDC Nº351 da ANVISA, de 20 de março de 2020, que resolve que
medicamentos à base de CLOROQUINA e HIDROXICLOROQUINA ficam sujeitos à Receita
de Controle Especial em duas vias;
- A versão 1 da Diretriz para Diagnóstico e Tratamento da COVID-19 da Secretaria de
Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde
- A NOTA INFORMATIVA Nº 6/2020-DAF/SCTIE/MS, Secretaria de Ciência, Tecnologia,
Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde Departamento de Assistência Farmacêutica e
Insumos Estratégicos, que atualiza informações sobre o Uso da Cloroquina como terapia
adjuvante no tratamento de formas graves do COVID-19, ficando revogada a Nota
Informativa nº 5/2020-DAF/SCTIE/MS, datada de 27 de março de 2020;
- PORTARIA SESAU Nº. 3.264, DE 14 DE ABRIL DE 2020, que institui o Protocolo de
recomendação da Conduta Terapêutica hospitalar dos pacientes, adolescentes e adultos
com suspeita ou confirmação de COVID-19,
- O manejo clínico pré-hospitalar nas síndromes gripais disponibilizado pelo Comitê de
Operações Emergenciais de Alagoas – COE/AL;
- A busca pela garantia do acesso aos medicamentos Hidroxicloroquina (Sulfato) e
Cloroquina (Difosfato) para pacientes com infecção pelo novo Coronavírus (SARS-COV-2)
nos Serviços de Referência de Saúde públicos e privados, no estado de Alagoas.

Rua Ricardo César de Melo, 179 – Pinheiro – Maceió/AL
CEP 57.055-670 ¦ +55 (82) 3326-5859
CNPJ: 00.593.606/0001-88
cosemsal.org ¦ cosemsalagoas@gmail.com
20 de maio de 2020 | Página 2/2

2. CRITÉRIOS PARA DISTRIBUIÇÃO DA CLOROQUINA/HIDROXICLOROQUINA

Os estabelecimentos que receberam Cloroquina/Hidroxicloroquina foram Hospitais,
preferencialmente aqueles com plano de contingência para COVID-19 e Unidades de
Pronto Atendimento (UPAs), seguindo a NOTA INFORMATIVA Nº 6/2020-DAF/SCTIE/MS,
Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde
Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos, que atualiza
informações sobre o Uso da Cloroquina como terapia adjuvante no tratamento de formas
graves do COVID-19

2. CRITÉRIOS PARA DISTRIBUIÇÃO DA CLOROQUINA/HIDROXICLOROQUINA
Os estabelecimentos que receberam Cloroquina/Hidroxicloroquina foram Hospitais,
preferencialmente aqueles com plano de contingência para COVID-19 e Unidades de
Pronto Atendimento (UPAs), seguindo a NOTA INFORMATIVA Nº 6/2020-DAF/SCTIE/MS,
Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde
Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos, que atualiza
informações sobre o Uso da Cloroquina como terapia adjuvante no tratamento de formas
graves do COVID-19

3. A SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE DE ALAGOAS-SESAU/AL ESTÁ DISTRIBUINDO
CLOROQUINA/HIDROXICLOROQUINA:

3.1 Distribuição de Cloroquina 150MG (Produto enviado pelo MS)
O Estado de Alagoas recebeu do Ministério 31.500 comprimidos de Cloroquina 150MG,
suficientes para o atendimento de apenas 1.750 pacientes. A distribuição segue
rigorosamente o proposto na Nota Informativa Nº06. Sendo restrita a unidades
Hospitalares que façam atendimento a casos suspeitos ou confirmados da COVID.
Foi estabelecido estoque estratégico para cada unidade de referência, sendo realizada a
reposição do estoque através de solicitação por e-mail e apresentação das prescrições.
3.2 Distribuição de Hidroxicloroquina 400MG
A Secretaria da Saúde esclarece que o Ministério da Saúde não encaminhou
qualquer quantidade do medicamento Hidroxicloroquina 400MG para o estado de
Alagoas. Todo o quantitativo de Hidroxicloroquina 400MG foi adquirido com recursos
estaduais, originalmente destinados a pacientes de Lúpus e Artrite Reumatóide
cadastrados no Componente Especializado.
A SESAU possui processo para aquisição de 90.000 comprimidos de
Hidroxicloroquina 400MG para o atendimento de pacientes com COVID. A aquisição foi
iniciada em 15 de abril. Até o momento não foi apresentada nenhuma proposta de venda.
Foi informado pelo laboratório APSEN, detentor de 95% das vendas públicas, da
impossibilidade de participação no certame, por não dispor do quantitativo. No entanto
o fabricante se comprometeu em realizar a doação de 15.000 comprimidos, que serão
enviados nos próximos dias.
Estamos vivendo momentos de criticidade dos estoques nacionais somado ao
aumento imensurável da procura.

Assessoria Técnica da Assistência Farmacêutica-ASTAF/AL e COSEMS/AL


Fonte: correiodopovo-al.com.br

Tags: centro de síndromes gripais em penedo pode ser inaugurado na próxima semana.