Perícia no local do incêndio

Defesa Civil isola casas e garagem atingidas por incêndio que matou mulher em Rio Largo, AL

Corpo de Bombeiros foi ao local para realizar perícia.

19/01/2020 por Redação

A Defesa Civil isolou neste sábado (18) duas casas e a garagem que foram atingidas no incêndio que matou uma mulher em Rio Largo. Os bombeiros também foram ao local para fazer a perícia para descobrir a causa do incêndio.

Cícera de Oliveira Maria, de 53 anos, estava em uma das casas tomadas pelas chamas e acabou morrendo.

"Ela foi encontrada ao final, depois de ter sido realizado o combate das chamas, ela foi encontrada, mas não se sabe se ela permaneceu ali durante todo o incêndio", disse o capitão Pontes, do Corpo de Bombeiros.

O coordenador da Defesa Civil de Rio Largo, Romero Ferro, analisou a estrutura das casas atingidas pelas chamas.

"Fiz a interdição do local para que as pessoas também não possam invadir a casa para tirar alguma coisa, porque as pessoas ficam sempre querendo ver o que sobrou para pegar e se apossar dessas coisas ", disse Romero Ferro.

O laudo da vistoria deve ficar pronto na próxima quarta-feira (22). Depois de analisar o documento, a Defesa Civil vai decidir se vai ser preciso demolir as casas.

"Realmente está tudo comprometido, mas tem que ter oficialmente o laudo do engenheiro para que possamos executar essas demolições", explicou o coordenador da Defesa Civil de Rio Largo.

O Corpo de Bombeiros também esteve no local e fez uma perícia para tentar identificar a causa do incêndio. O capitão Pontes falou sobre o trabalho que foi realizado.

"O laudo será confeccionado com prazo de 30 dias. A está avaliando algumas imagens que foram feitas, gravações que foram feitas durante o incêndio e isso vai ajudar a gente a buscar a origem dele. Se a gente não consegue encontrar a causa, mas ao menos a origem do incêndio, de onde partiu ele. Essas imagens vão nos ajudar nisso", disse o capitão do Corpo de Bombeiros.

Vizinhos da vítima disseram que ficaram assustados quando o incêndio começou.

A assessoria da Perícia Oficial informou que a família da vítima já entregou a documentação odontológica para que seja feito o exame de identificação pela arcada dentária. Depois da confirmação, o corpo será liberado.


Fonte: G1 AL

Tags: defesa civil isola casas e garagem atingidas por incêndio que matou mulher em rio largo - al