Déficit comercial

Avanço do déficit anual para US$ 31 bi preocupa indústria

O resultado negativo era esperado, mas os analistas estão preocupados porque ele se dá pelas “razões erradas”.

18/11/2019 por Marta Watanabe e Arícia Martins

O déficit comercial da indústria de transformação alcançou US$ 31,5 bilhões nos 12 meses encerrados em setembro. A estimativa é que o resultado de 2019 fique próximo disso, o que representará um déficit quase dez vezes maior que o saldo negativo de US$ 3,2 bilhões em 2017. No ano passado, o déficit foi de US$ 25,2 bilhões.

O resultado negativo era esperado, mas os analistas estão preocupados porque ele se dá pelas “razões erradas”. Segundo o economista Rafael Cagnin, do Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial (Iedi), esperava-se elevação do déficit em decorrência de uma retomada consistente do crescimento da economia, o que naturalmente provocaria um aumento das importações. Mas o que ocorre neste ano é a expansão do déficit da indústria como resultado de uma forte queda das exportações, e não do aumento das importações. Em 12 meses até setembro, as exportações da indústria caíram 5,3% em relação ao período imediatamente anterior, enquanto as importações ficaram praticamente estáveis, com redução de 0,6%.

Um dos fatores importantes para a queda das exportações é a crise da economia argentina. O total de exportações brasileiras ao país vizinho, industriais e não industriais, caiu de US$ 12,87 bilhões para US$ 7,5 bilhões de janeiro a setembro de 2017 para igual período deste ano. Outro fator é o baixo crescimento do comércio internacional, sob influência do conflito entre EUA e China.

Esses três fatores — economia global lenta, guerra comercial e crise argentina — atingiram em cheio a balança comercial do Brasil. Os economistas esperam que o superávit comercial brasileiro encerre 2019 em U$ 47 bilhões, quase 20% abaixo do obtido no ano passado. De janeiro a outubro, a diferença entre exportações e importações foi positiva de US$ 34,8 bilhões, 26,7% menos que os US$ 47,5 bilhões registrados no mesmo período do ano passado. E a tendência é de nova queda no próximo ano.


Fonte: pressreader - Valor Econômico

Tags: avanço do déficit anual para us$ 31 bi preocupa indústria