Contra fatos não existe argumento

O começo do fim de Renan Filho. Política dá e política tira.

Renan Filho caminha por sobre as pedras que ele mesmo deixou expostas.

19/09/2019 por Por Raul Rodrigues

É de domínio público que o governador Renan Filho esteve tão confiante ante aos números a seu favor que desafiou as pesquisas; eleger ao seu pai senador era a meta, muito embora não perdesse de vista o Palácio Zumbi dos Palmares. Derrotou Pinto e elegeu aos dois.

Mas durante os anos de 2017 e 2018 o professor Raul do Programa Penedo Real da Francês FM, 106,3, Mega-hertz dizia e escrevia no CPA que a propaganda era enganosa. Tudo era bom de mais para ser verdade.

Passado o ano eleitoral as bombas começaram a estourar. Operação da Polícia federal na pasta da Saúde, intransigência com os servidores públicos estaduais, despromoção na Polícia Militar, insatisfação na Polícia Civil, Operação da Polícia federal na pasta da Educação, prenuncio de greve dos professores, falta de recursos para tratamentos de pessoas de câncer em Arapiraca, falta de recursos para pessoas de tratamentos contínuos, e a descoberta de toda a propaganda Fake News.

O rombo com a publicidade que apareceu nas maiores manchetes de jornais em Alagoas tornou público o que o professor Raul dizia escrevia: a propaganda e mentirosa! Até a verba do Hospital Metropolitano foi denunciada pelo próprio secretário da saúde. A mesma está intocavel! Guardada para quê?

Para completar neste ano a previsão de arrocho salarial para todas as classes de trabalhadores do estado. Uma bomba relógio prestes a explodir.

Como se diz na máxima da política: a política dá e ela mesma tira!

Renan Filho candidato a senador em 2022 será uma onda.


 


Fonte: correiodopovo-al.com.br

Tags: o começo do fim de renan filho. política dá e política tira.