Grave denúncia

Vereadores denunciam: corrupção; abuso de poder e descaso político no município

“Aqui o nepotismo está presente em todos os setores; aliado a uma onda de intimidação, corrupção e tudo mais” diz o líder do movimento, vereador André da Téo (PSB)

08/09/2019 por Redação

Estamos a um ano e poucos dias das eleições de 2020, pois a essa altura, em muitos municípios alagoanos a temperatura política já vem causando um mal-estar em muita gente, sobretudo pelas denúncias  de adversários, que têm como grande aliado, as redes sociais. Na cidade de Flexeiras por exemplo, quatro vereadores dos nove que compõem o Legislativo local, afirmam que estão com fartas munições para derrubar o “império” da família Cavalcante Lins, que desde a criação do município, há 57 anos, domina de ponta-a-ponta a administração pública. 

“Aqui o nepotismo está presente em todos os setores; aliado a uma onda de intimidação, corrupção e tudo mais” diz o líder do movimento, vereador André da Téo (PSB), ex-presidente da Câmara e que foi o mais votado na última eleição com 500 votos. Ele afirma que está disposto a entrar pela primeira vez na disputa pela Prefeitura, sobretudo, com o objetivo de quebrar um tabu tão esperado, por um povo que almeja inovação, renovação e paz no município. André rompeu com o grupo da prefeita Dona Isa (PP) por não aceitar apoiar os candidatos dela na eleição do ano passado, como deputados estadual e federal.

Para assegurar esse embate político, André da Téo agregou em seu exército os vereadores, Alisson (PR), Demeval (PP) e Adriano do Gata Maga (PPS). Através deles, a nossa reportagem teve acesso a quatro escandalosos casos de denúncias, todos devidamente documentados, que por sinal, já foram protocolados junto aos órgãos competentes, como: Ministério Público de Contas, Tribunal de Contas, Ministério Público Estadual e Procuradoria Geral de Alagoas.    

Entre as denúncias, podemos citar a emissão de cheque sem fundos, vinculado a ex-prefeita, Silvana; desvio de dinheiro da Previdência Municipal, desaparecimento de mais de 14 milhões dos precatórios do Fudef; questão de doação de um terreno para uma churrascaria sem a devida participação da Câmara; além de casos suspeitos relacionados a locação de veículos, aluguel de imóvel e tantos outros.

Mapa administrativo

A prefeita de Flexeiras é Maria Isabel Costa Souza (PP) conhecida como Dona Isa. E ao que parece, é uma das mais longevas figuras políticas ativas da atualidade brasileira. Dona Isa desfruta de seus 85 anos e nove meses. Conforme os vereadores da oposição, quem manda na Prefeitura é o senhor, Eliezer, que é irmão da prefeita e pai da ex-prefeita Silvana. E como se não bastasse, o secretário de Administração e presidente do Fundo Municipal da Previdência, Marcos Antônio, é filho também do Eliezer - esse também é quem bota as cartas na mesa, no que se refere à administração pública, é o que denunciam os vereadores insatisfeitos.  

Como não conseguimos êxito na busca de ouvir alguém vinculado a prefeita Dona Isa, inclusive a própria, fica aqui aberto o espaço para a defesa para qualquer um!


Fonte: CadaMinuto.com.br

Tags: vereadores denunciam: corrupção; abuso de poder e descaso político no município