Vitinho marca no fim

Athletico-PR bate o Inter na Arena da Baixada

Atacante substitui Marcelo Cirino e, aos 43 do 2º tempo, faz o gol do triunfo do Furacão na retomada do Brasileirão

14/07/2019 por Redação

Duas estrelas brilharam para que o Athletico-PR batesse o Inter e vencesse por 1 a 0, neste domingo, na Arena da Baixada. O técnico Tiago Nunes promoveu a entrada do garoto Vitinho, 20 anos, pela 4ª vez no Brasileirão. Ele não desperdiçou a oportunidade e, a três minutos do fim do tempo regulamentar, fez o gol da vitória.

Foi preciso menos de 11 minutos para definir o resultado. O jogador entrou aos 32 minutos do segundo tempo no lugar de Marcelo Cirino e, dez minutos depois, driblou Heitor e bateu no canto do goleiro Marcelo Lomba. O resultado faz com que o Furacão fique na 12ª posição, mas alcance os 13 pontos. Está apenas três atrás do último integrante do G-4, que é o próprio Inter.

1º tempo
Logo aos dois minutos, Tréllez recebeu um lançamento em profundidade, driblou Santos e empurrou pro gol. O lance, contudo, foi impugnado pelo assistente e confirmado pelo VAR. Aos 10 minutos, a defesa colorada se atrapalhou no corte por cima, mas Marcelo Lomba saiu para acudir os companheiros e segurar a bola. Aos 13 minutos, Sobis arrematou de longe e Santos encaixou. Aos 16, Marcelo Cirino entrou na área pelo lado direito e encobriu Marcelo Lomba. O goleiro desviou, a bola triscou a trave e saiu em escanteio. Na sequência, ele fechou o gol mais uma vez. Dois minutos depois, o colombiano do Inter bateu da marca do pênalti e mandou por cima da meta de Santos. A partir daí, o Furacão dominou as ações, mas não conseguiu nenhuma conclusão com perigo.

2º tempo
Aos dois minutos, Rony cabeceou para fora. Aos oito, Tréllez teve a melhor chance do Inter no jogo, ao entrar de carrinho e ser bloqueado por Santos. Rony, dois minutos depois, arriscou de dentro da área e desperdiçou. Aos 14, foi a vez de Marco Rúben chutar fraco e perder cara a cara com Marcelo Lomba. Nikão também tentou, no minuto seguinte, e mais uma vez o camisa 12 brilhou. Aos 29, Tréllez fez o pivô para Rithely, que bateu fraco, nas mãos de Santos. Aos 31, Rony tocou de cabeça, mais uma vez, nas mãos de Santos. Aos 32, Tiago Nunes colocou Vitinho e Thony Anderson. O primeiro precisou de 11 minutos para mudar o resultado da partida. Aos 43, ele driblou Heitor e bateu no canto esquerdo de Lomba para fazer o gol da vitória.

Tarde de estreias
O Inter começou o jogo com dois estreantes nas laterais: Heitor, na direita, e Natanael na esquerda. No segundo tempo, Odair promoveu mais duas: Erik entrou na lateral esquerda e José Gabriel fechou o meio. Do lado do Furacão, Pedro Henrique fez a primeira partida após empréstimo do Corinthians.

Nikão 200
Símbolo do atual time do Furacão, o meia Nikão recebeu uma camisa comemorativa em homenagem à sua 200ª partida pelo Athletico-PR. Ele ainda entrou em campo com o filho, para comemorar com o maior fã. Em sua quinta temporada no clube, são 23 gols marcados e 30 assistências

Público e renda
Público total: 14.063  Público pagante: 12.700 Renda R$ 321.805


Fonte: GloboEsporte.com

Tags: athletico-pr bate o inter na arena da baixada