Rodrigo Maia assume protagonismo

Câmara aprova idade mínima para a Previdência por 379 a 131 votos

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, discursa para seus colegas antes de declarar placar da votação

11/07/2019 por Pedro Ladeira/Folhapress

Em articulação liderada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o plenário aprovou, em primeiro turno, o texto-base da reforma da Previdência, uma das prioridades do governo.

A proposta fixa idade mínima de aposentadoria de 65 anos, se homem, e 62 anos, se mulher, a trabalhadores do setor privado e servidores federais. Quem está na ativa tem direito a uma transição.

Foram 379 votos a favor —71 a mais que o mínimo necessário; 131 votaram contra. O apoio foi maior do que o obtido pelo então presidente Lula em 2003 com sua reforma (358 deputados).

As falhas do Executivo em negociar a reforma levaram Maia a se tornar protagonista na condução do projeto. Nas falas dos líderes partidários, Jair Bolsonaro (PSL) quase não foi citado.

Em discurso com tom irônico diante dos ataques do governo ao Congresso, o presidente da Casa disse que o centrão, “esta coisa do mal”, foi determinante para a proposta ser aprovada.

O mesmo centrão, porém, ameaçou se unir à oposição e abrandar o texto por meio dos chamados “destaques”. Maia interrompeu a sessão, e os pontos devem ser analisados hoje.


Fonte: pressreader.com - FSP

Tags: câmara aprova idade mínima para a previdência por 379 a 131 votos