Eleição sim. Escolha errada não!

Eleição para o Conselho Tutelar: quem realmente merece as vagas?

Tem gente recebendo para enregar atestados por assumir cargo em outra cidade. Você sabia?

16/05/2019 por Por Raul Rodrigues

A eleição para conselheiros tutelares está em sua reta final antes do período de votação. Mas quem realmente merece assumir as vagas para tal função?

Por Lei, devem ser inscritos quem tenha procedimentos idôneos, sem manchas na vida pessoal e profissional, ter experiência anterior no trato com crianças e adolescentes, além de não conter em seu currículo, antecedentes de comportamentos que firam as regras básicas da sociedade.

Em caso de candidatos ou candidatas ás reeleição, comprovações das atuações no exercício do mandato como a lista de frequência durante os dias de atendimento e plantões, não devendo conter listas de atestados médicos por conveniência pessoal.

Outro ponto a ser observado deve ser a vida profissional do ou da pretendente no aspecto de não acumular cargos nos horários e dias que deva estar escalado(a) ara o pleno exercício das suas funções como conselheiro(a), não deixando a sociedade “a espera de um milagre” quanto à presença de quem se propõe trabalhar como conselheiro(a) tutelar.

Por isso mesmo, a redação do CPA irá solicitar do Conselho Tutelar tais listas de frequência para que a sociedade tome conhecimento antecipado de quem quer apenas receber o excelente valor mensal, respeitando-se que para quem trabalha ainda é o merecido pagamento. Mas para quem apenas recebe é muito mal empregado.


Fonte: correiodopovo-al.com.br

Tags: eleição para o conselho tutelar: quem realmente merece as vagas?