Queda de empregos e renda

Setor de serviços em Alagoas tem 3º mês seguido de queda, diz IBGE

Retração do setor foi de 5,5% em março deste ano, na comparação com o mesmo mês de 2018; também houve queda em janeiro e fevereiro.

14/05/2019 por Derek Gustavo

O volume do setor de serviços em Alagoas recuou 5,5% no mês de março deste ano, em comparação com o mesmo mês de 2018, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgados nesta terça-feira (14). Esse é o terceiro mês seguido de queda deste indicador.

Os dados fazem parte da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS). No primeiro trimestre deste ano, os indicadores em Alagoas se comportaram da seguinte forma (sempre em comparação com o mesmo mês do ano anterior):

Março: -5,5%
Fevereiro: -0,3%
Janeiro: -2,3%
Ainda segundo esse indicador, o acumulado no ano é de uma retração de 2,8% no setor. Quando considerados os últimos 12 meses, a queda foi de 1,1%.

Em nível nacional, o volume do setor de serviços também registrou variação negativa, -2,3% em março de 2019 com relação à março de 2018, a queda mais intensa desde maio do ano passado (-3,8%), interrompendo uma sequência de 7 taxas positivas nessa base de comparação.

O resultado negativo neste setor, que representa cerca de 70% do Produto Interno Bruto (PIB) do país, reforça a leitura feita por diversos analistas de que a economia deve ter registrado retração no 1º trimestre.

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) avaliou nesta terça-feira que os indicadores apontam para um desempenho da economia brasileira "aquém do esperado" no primeiro trimestre, com "probabilidade relevante" de queda do PIB no período.

O resultado oficial do PIB do 1º trimestre será divulgado pelo IBGE no próximo dia 30.

"O poder público está sem fôlego para investir e o setor privado não está compensando e preenchendo essa lacuna. A nova aposta para uma abertura de portas aos investimentos e para a atividade econômica é a aprovação da reforma da Previdência, mas quem garante que isso vai realmente acontecer?", afirmou à Reuters o gerente da PMS do IBGE, Rodrigo Lobo.


Fonte: G1 AL

Tags: setor de serviços em alagoas tem 3º mês seguido de queda - diz ibge