Terras dos índios, depois das elites.

Quem dividiu o Brasil? Quem o “descobriu”?

Os grandes latifúndios foram se dividindo entre herdeiros e terminaram minifúndios de outrem.

30/12/2018 por Por Raul Rodrigues

Segundo a História Geral do Brasil a chegada da Família Real ao Brasil trouxe para nossas terras parte da elite portuguesa que na verdade fugia da feroz perseguição de Napoleão Bonaparte, à época, ditador francês que já almejava um domínio territorial mundial de destaque. Fortalecer a França por meio de invasões e conquistas.

A Família real trouxe a tiracolo uma “elite” portuguesa que foi beneficiada em solo brasileiro com grandes glebas de terras – fazendas intermináveis – com as quais enriqueceram ainda mais a custa da mão de obra escrava – os negros – que mal tinham direito de respirar. E essa “elite” acostumada à corrupção em Portugal transferiu tal cultura para os povos já dominados pelas missões portuguesas – desde Pedro Alvares Cabral –, não o Cabral do Rio de Janeiro, e seus jesuítas que passaram a dividir o povo indígena brasileiro.


E essa divisão sempre perdurou. Tanto que nas eleições de 2018 o brasileiro se dividiu mais uma vez entre governantes que roubaram – corrupção – e os que pregaram que estão dispostos a salvar o Brasil do seu maior mal: a corrupção sistêmica e institucionalizada. O PT de Lula, de Dilma e de Temer. PT de Presidente Temer!

E como brada a vã filosofia, dois lados existem: os que estão comendo e os que querem comer!

Quem dividiu o Brasil? Quem o “descobriu” por meio da cultura de que o novo é melhor. Pode até ser. Até ficar velho também.

 
 


Fonte: correiodoppovo-al.com.br

Tags: quem dividiu o brasil? quem “descobriu”?

Galeria de fotos