REPÕE A PERDA

Ministros do Supremo dizem que reajuste não é aumento

UOL e Folha de S.Paulo

09/11/2018 por UOL e Folha de S.Paulo

Após o Senado aprovar projeto de lei que prevê reajuste de 16,38% nos salários dos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal), integrantes da Corte disseram que o percentual do reajuste apenas repõe a perda nos contracheques com a inflação e não seria "aumento".

Anteontem, o Senado aprovou o reajuste para ministros do STF e do procurador-geral da República.

O salário passará de R$ 33,7 mil e R$ 39,2 mil.

A medida gera efeito cascata que pode causar impacto de R$ 4 bilhões.


Fonte: https://www.agora.uol.com.br

Tags: ministros do supremo dizem que reajuste não é aumento