Após assinatura de TAC tudo volta ao que era antes

Carne comercializada em Penedo volta a ser de origem duvidosa

Marchantes, fornecedores e afins têm culpa indireta. A culpa direta é das autoridades envolvidas.

07/02/2018 por Por Raul Rodrigues
De que adiantou a audiência pública?

Após longas e improdutivas discussões sobre o assunto da comercializada em Penedo, sempre com resultado infrutífero, uma Audiência Pública sobre o assunto foi marcada, realizada, e, à época lançou-se mão de um TAC – Termo de Ajuste de Conduta – em 1º de novembro de 2017, com as presenças do Promotor de Justiça, Dr. Kleber Valadares, do deputado estadual João Beltrão, do secretário municipal de agricultura, Manoel Messias Lima – Messias da Filó – do representante da Adeal, um médico veterinário, do chefe da vigilância sanitária de Penedo, o farmacêutico Ângelo, marchantes e donos de açougues, além dos fornecedores de carne bovina, carne suína, de ovinos e caprinos, quando ficou decidido por meio do TAC que o abate de animais passaria a ser realizado em abatedouro da cidade Arapiraca, sendo o mesmo possuidor do SIE – Selo de Inspeção Estadual – além da autorização para transporte dos animais e da carne abatida e refrigerada.

Ocorre que depois dessa data, 1º de novembro de 2017, limite para que fossem tomadas tais providências foi solicitado pelas partes um prazo maior para que todos se adequassem ao ajustado na audiência. Assim foi feito e depois implantado.

Passado pouco menos de um mês da vigência do TAC, aparece a grave notícia que NOVAMENTE a carne comercializada em Penedo volta aos tempos da clandestinidade: abate em fazendas ou terras alheias, sem a menor condição de higiene, e, totalmente desprovidas da vigilância sanitária – médico veterinário – para analisar os animais a serem a abatidos. Voltamos aos tempos da caverna.

Aqui informamos a população do descaso para com a saúde pública dos penedenses e de regiões circunvizinhas, cobramos providências das autoridades envolvidas e a fiscalização da justiça para fazer valer o TAC antes assinado. 

Penedo volta aos tempos do homem das cavernas em século XXI.

Leia a íntegra da matéria da audiência pública http://www.correiodopovo-al.com.br/index.php/noticia/2017/11/01/audiencia-publica-sobre-comercializacao-da-carne-em-penedo-termina-quase-como-comecou


Fonte: correiodopovo-al.com.br

Tags: carne comercializada em penedo volta a ser de origem duvidosa