publicidade

notícias

12.08.2017 - 15:40   por Por Raul Rodrigues

A banalização da morte de adultos fez sequestrar Van com crianças.

Não existe mais possibilidade de entendimento que não seja pela força bruta.

A morte de adultos, adolescentes ou até mesmo crianças por balas perdidas no Rio de Janeiro tornou-se notícia banal e recorrente. A população tornou-se solidária a tais fatos e já não demonstra mais a sua indignação de maneira a trazer decisões e soluções. Tudo virou banal.

Com a entrada das Forças Armadas – Exército, Aeronáutica e Marinha – conjuntamente com a Força Nacional, mais as Polícias Militar e Civil do Estado do Rio de Janeiro na tentativa de estancar os números de mortes, assaltos, sequestros de pessoas, além da “normatização do tráfico de drogas” na Grande Rio de Janeiro, os bandidos resolveram agir em suas defesas agindo com crueldade contra crianças em grupos para sensibilizarem as populações contra as ações militares. É a busca da comoção social contra o aparato governamental. É a falência dos governos.

O sequestro da Van com crianças foi apenas um alerta do que pode vir por aí. E se o governo fraquejar as vítimas serão tanto civis quanto militares também. Somente este ano número de PMs mortos já chega aos 97 mortos.

O Rio vive sob estado de guerra literalmente.
 


Fonte: correiodopovo-al.com.br

Tags: a banalização da morte de adultos fez sequestrar van com crianças.

comentários

deixe seu comentário

publicidade

facebook

@correiodopovoal

Correio do Povo Alagoas © 2012. Todos os direitos reservados