publicidade

notícias

17.07.2017 - 06:16   por Fabio Pagotto

Faltam opções de comida saudável e barata em parques

Piquenique à antiga

Achar comida boa e barata nos parques da capital é tarefa árdua. A maioria dos 107 parques municipais e dos nove estaduais da cidade não dispõe de lanchonetes, restaurantes, food trucks ou mesmo de vendedores ambulantes legalizados.

O valor mais alto encontrado foi no Ibirapuera, onde o restaurante do MAM (Museu de Arte Moderna de São Paulo) cobra R$ 58 por pessoa (R$ 63 aos finais de semana) em um self-service. Para economizar e garantir a boa alimentação, a melhor saída é fazer um piquenique ou levar marmita.

Dos parques estaduais, apenas três (Villa-Lobos, Água Branca e Belém) têm alimentação. Neles, a única opção são food trucks, em que pastéis chegam a custar R$ 12, um churro R$ 8 e cachorros-quentes, R$ 18.


Fonte: agora.uol.com.br

Tags: faltam opções de comida saudável e barata em parques

comentários

deixe seu comentário

publicidade

facebook

@correiodopovoal

Correio do Povo Alagoas © 2012. Todos os direitos reservados