Segunda, Setembro 25, 2017

publicidade

Publicidade

notícias

12.07.2017 - 19:32   por Por Raul Rodrigues

Novas tecnologias ao invés de ajudar estão a atrofiar desenvolvimento das pessoas

Estão usando o que melhor se utiliza nos países de primeiro mundo para trocar mensagens sem nenhum tipo de aproveitamento.

As novas tecnologias disponíveis a todas as classes socioeconômicas do Brasil, celulares de última geração, tablets e/ou computadores, deveriam estar a ajudar no desenvolvimento das novas gerações que dominam os aplicativos destes aparelhos.

No entanto, o que estamos a perceber é o uso de maneira inadequada destes sofisticados aparelhos com escritas erradas – reduzidas ou por códigos – produzindo uma geração inteira de alienados quanto ao modo de escrever e se comunicar. Refiro-me aos celulares com o uso indiscriminado do Whatsapp. Isto é fato!

Nos computadores os e-mails que deveriam seguir uma norma culta como preparação das novas gerações que visam aprovação em concursos, o desvio de comportamento segue a mesma logística de erros.

Resumem tudo não desenvolvendo o gosto pela escrita – redação – tão cobrada nas provas de língua portuguesa no Enem, ou do conhecimento de regras de acentuação, pontuação, concordância e interpretação de texto nos concursos para bons empregos.

Isto sem se falar como instrumento para pesquisa de tudo o quanto o jovem precisa para complementar o seu conhecimento geral do mundo atual, que se renova a cada minuto.

Usa-se mesmo é para se enviar pegadinhas, brincadeiras sem graça, pornografia ou informações truncadas sobre temas da maior seriedade.

Assim não construiremos gerações saudáveis e preparadas para um futuro melhor.

* Muitos usam até em posições impróprias gerando problemas de saúde.
 


Fonte: correiodopovo-al.com.br

Tags: novas tecnologias ao invés de ajudar estão a atrofiar desenvolvimento das pessoas

galeria de fotos

comentários

deixe seu comentário

publicidade

facebook

@correiodopovoal

Correio do Povo Alagoas © 2012. Todos os direitos reservados