publicidade

notícias

16.03.2017 - 20:48   por Por Raul Rodrigues

Passados um mês e quinze dias ainda tem vereador calado.

Tem vereador que passa o tempo todo de conversa paralela ou trocando mensagens pelo celular.

Depois de passados um mês e quinze dias de trabalho na Câmara de vereadores de Penedo-AL, com seis sessões realizadas na CVP, ainda tem vereador que continua de boca calada. Esta é uma constatação!

Sabemos que a tribuna nem sempre é um local atraente para quem tem timidez em falar em público. Mas o mister do politico é falar para as pessoas, defender ideias e/ou ideais, e para tanto precisa se expressar em defesa da população que o elegeu. Pelo menos assim deve ser o andar da carruagem política.

Fazer requerimentos ao chefe do executivo municipal ou a secretários das pastas existentes na administração é enxugar gelo, encher pneu de trem, ou chover no molhado. É desviar a atenção da sua incompetência com justificativas que pediu isso e aquilo, mas que não foi atendido. A função do político é vencer as barreiras e criar soluções.

Ficar de paletó e gravata sentado em uma confortável cadeira em ambiente refrigerado usando o celular para receber e enviar mensagens não é desenvolver o papel de vereador. A vereança requer a ousadia e perspicácia do saber realizar parcerias que resultem em bons frutos para a comunidade.

Também viver de discursos inflamados contra ou em defesa do senhor prefeito não é papel produtivo para a população. E para uma cidade que vive de obras inacabadas, não iniciadas ou mal terminadas, fazer papel de vereador virtual é chamar o atraso para a cidade do já foi, já teve e do era assim.

Penedo precisa muito mais que meros seguidores do silencio dos inocentes. Penedo precisa de respostas!


Fonte: correiodopovo-al.com.br

Tags: passados um mês e quinze dias ainda tem vereador calado.

comentários

deixe seu comentário

publicidade

facebook

@correiodopovoal

Correio do Povo Alagoas © 2012. Todos os direitos reservados