publicidade

Publicidade

notícias

16.02.2016 - 16:21   por Olívia de Cássia

ATENÇÃO MOTORISTAS E CONDUTORES: Em Maceió, SMTT começa a multar infratores a partir do dia 28

Pardais eletrônicos já estão funcionando nas principais avenidas de Maceió; por enquanto operam em fase de teste

A Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) de Maceió começa a fiscalizar de fato e multar motoristas infratores a partir do dia 28 de fevereiro, um domingo.

Os pardais eletrônicos já estão funcionando nas principais avenidas de Maceió, mas por enquanto operam em fase de teste. A princípio foram instalados dez pontos eletrônicos, distribuídos nos seguintes locais: Avenidas Fernandes Lima; Durval de Góes Monteiro; Menino Marcelo; Álvaro Otacílio e Afrânio Lages.

Segundo Nicollas Albuquerque, da assessoria da SMTT, serão feitas campanhas educativas nos locais dos pontos, com afixação de placas indicando que aquele local está sendo monitorado com o ponto eletrônico e dentro de 40 dias, mais 18 pontos serão colados em vários locais onde acontecem acidentes com mais frequência, para inibir condutores infratores.

A velocidade indicada para cada local é a de 60 Km. “A notificação começará efetivamente a multar os condutores que exceder velocidade, avançar sinal vermelho, parar na faixa de pedestre e utilizar indevidamente a faixa azul. A SMTT também estará nesses locais para orientar os motoristas desavisados”, observou.

OBJETIVO

Ainda segundo a SMTT, o objetivo da colocação dos pontos eletrônicos é diminuir o índice de acidentes na capital restringindo velocidade, irregularidades na faixa azul e avanço de sinal vermelho.

Além da data do começo da notificação, a reunião também definiu que  haverá divulgação nos meios de comunicação, para orientar os condutores sobre o dispositivo, além de agentes de trânsito dando o suporte no sentido de avisar os motoristas sobre o funcionamento do radar.

Em Maceió, os pardais estavam em desuso desde a gestão do ex-prefeito Cícero Almeida.

Esse tipo de dispositivo está presente na maioria das grandes cidades e são ao mesmo tempo um suporte para a segurança dos motoristas e um incômodo para os usuários do sistema viário.

O taxista José Amaro, que faz ponto com seu carro próximo ao Terminal Rodoviário de Maceió, aprovou a colocação do dispositivo eletrônico e disse que essa medida pode diminuir os acidentes, “muitas das vezes provocados por motoristas imprudentes”, observou.

Já o autônomo Amaro Oiticica, por telefone, disse que discorda da medida e avalia que isso só está sendo feito porque esse é um ano próximo às eleições.

“Vejo isso como uma indústria de multas, para juntar dinheiro para as próximas eleições; eles sempre conseguem um motivo para tirar dinheiro da população”, disse irritado seu Amaro.

Confira os pontos com pardais eletrônicos em Maceió

LOCAL

REFERÊNCIA

TIPO

Av. Durval de Goés Monteiro
Entre a Carajás e a Ultragás

FIXO (velocidade máxima 60 km/h)

Av. Durval de Goés Monteiro
Entre a Boa Terra e a M. Dias Branco

FIXO (velocidade máxima 60 km/h)
 

Av. Durval de Goés Monteiro

Makro Atacadista

MISTO (velocidade 60km/h, avanço de sinal vermelho e parada em faixa de pedestre)

Av. Fernandes Lima

Casa das Carnes – Palato

MISTO (velocidade 60km/h, avanço de sinal vermelho e parada em faixa de pedestre)

Av. Fernandes Lima

Cruzamento com a Av. Rotary

MISTO (velocidade 60km/h, avanço de sinal vermelho e parada em faixa de pedestre)

Av. Fernandes Lima - Próximo ao Hiper Bompreço da Gruta (velocidade 60km/h, avanço de sinal vermelho e parada em faixa de pedestre)

Av. Menino MarcelÓ - Próximo ao Conj. Residencial Tabuleiro do Martins

FIXO (velocidade máxima 60km/h)

Av. Menino Marcelo - Próximo ao AnimaKids

FIXO (velocidade máxima 60km/h)

Av. Gov. Afrânio Lages - Em frente à Serraria Falcão

FIXO (velocidade máxima 60km/h)

Av. Álvaro Otacílio - Cruzamento com a Rua Mário de Gusmão

MISTO (velocidade 60km/h, avanço de sinal vermelho e parada em faixa de pedestre)


Fonte: tribunahoje.com.

Tags: pardais em maceió

comentários

deixe seu comentário

publicidade

facebook

@correiodopovoal

Correio do Povo Alagoas © 2012. Todos os direitos reservados